Há 52 anos morreram 25 soldados num inferno de chamas na serra de Sintra

Faz hoje 52 anos que, na tarde de 7 de Setembro de 1966 morreram nas chamas 25 militares do Regimento de Artilharia Antiaérea Fixa (RAAF) de Queluz, no trágico e dramático incêndio da Serra de Sintra, que demorou uma semana a combater.

Em sua homenagem, que esta memória sirva para que esta tragédia nunca mais se volte a repetir.

TOPO